Como um sistema ERP é importante para sua empresa

Como um sistema ERP é importante para sua empresa

Conforme as empresas crescem, os empresários percebem que precisam de algum sistema ERP para gerenciar todos os processos. E embora as pequenas empresas possam sobreviver sem isso, operar uma empresa de médio porte fica mais difícil à medida que ela se expande. Mas antes de reformar a ordem de trabalho existente com um novo tipo de software, você precisa entender o que é e se sua empresa realmente precisa dele. 

Neste artigo vamos dar uma explicação sobre a definição do sistema ERP e descrever suas características em detalhes. o mais importante é você entender o quanto esse software pode ser importante para sua empresa e o quanto uma consultoria protheus em guarulhos pode te ajudar nesse processo de escolha e entendimento.

O que significa ERP?

ERP é a abreviatura de Enterprise Resource Planning. Geralmente se refere à categoria de software de gerenciamento de negócios que coleta, armazena, gerencia e interpreta a maioria dos dados de todas ou quaisquer atividades de negócios escolhidas. 

consultoria protheus em guarulhos

Por que dizemos a maioria e não todos os dados? Porque, embora o processamento de todos os dados seja possível, é necessário muito dinheiro para armazenamento de dados e capacidade de processamento. É por isso que muitas empresas preferem usar o ERP para gerenciar apenas suas atividades principais (por exemplo, produção, distribuição, controle, etc.). 

Portanto, a gestão da empresa junto com especialistas em software vêm com uma solução econômica: o ERP coleta os dados necessários para controlar o pessoal e tomar decisões críticas, e todo o resto é alocado em outros sistemas que são usados ​​quando necessário. 

Em que consiste o ERP?

Todos os sistemas ERP, independentemente de quem os desenvolveu, têm o mesmo ambiente de desenvolvimento, banco de dados e módulos semelhantes.

Ambiente de software

Basicamente, é um chamado framework que fornece aos especialistas em tecnologia uma funcionalidade padrão que facilita o processo de desenvolvimento de sistemas ERP e outros softwares. Essas estruturas definem a arquitetura geral do sistema, seus componentes essenciais e os relacionamentos entre eles.

Gestão de dados 

Inclui o armazenamento de dados do servidor, software necessário para trabalhar com bancos de dados (como SQL ou qualquer outro analógico), instrumentos e métodos para processamento de dados e sua divisão em módulos ERP.

Módulos 

consultoria protheus em guarulhos

O ERP consiste em módulos desenvolvidos independentemente que podem ser ligados ou desligados dependendo das necessidades específicas da empresa e capacidades técnicas. Cada módulo concentra-se em uma área de negócios (por exemplo, produção, distribuição, controle de estoque, compras, contabilidade, recursos humanos e folha de pagamento, marketing, etc.).

A composição complexa difere do ERP da integração simultânea de vários produtos de software ou do sistema que cresceu a partir de recursos adicionais unidos por especialistas em tecnologia. Os módulos não dependem uns dos outros. Assim, você poderá desligar um módulo de gestão de relacionamento com o cliente sem prejudicar as funcionalidades da equipe de recursos humanos e vice-versa.

Banco de dados padronizado único

A integração de ERP fornece um único banco de dados padronizado que contém informações sobre todos os processos de negócios em andamento e concluídos (colocados em espera) e pode ser usado por todas as divisões simultaneamente. Ele permite diminuir o número de erros devido ao fator humano, já que um funcionário insere os dados apenas uma vez e todas as divisões os recebem nos formatos e formulários necessários para o trabalho posterior. 

Ele aumenta drasticamente a velocidade da troca de informações entre as divisões de negócios. Por exemplo, se um membro da equipe de vendas marcou um pedido como encerrado ou cancelado, os especialistas em serviços de entrega e armazenamento poderão vê-lo imediatamente. Portanto, o pedido não será enviado duas vezes ou esquecido. 

Expansão dos negócios

À medida que as empresas crescem, os processos internos tornam-se mais complicados e exigem dados não apenas de vendas ou marketing, mas de todas as divisões ao mesmo tempo. Em algum estágio de desenvolvimento de negócios, a integração do software existente se torna mais extensa e cara do que uma empresa pode suportar. Por isso é melhor prever este tipo de dificuldades e mudar para um ERP completo quando não for tão doloroso, como fazê-lo com a enorme quantidade de operações a realizar. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *